Sobre o Rancor de um Monge

15 05 2013
Monges Cartuxos

Monges Cartuxos

Filho meu, imita a vida dos santos e pratica suas virtudes. Desperta, não sejas negligente, incita a teus concidadãos, dos quais te constituíste o garante (Prov. 6,3); levanta-te dentre os mortos e Cristo te iluminará (Ef. 5,14), e a graça se infundirá dentro de ti.

A paciência, com efeito, te revela todas as graças. Os santos foram pacientes e conseguiram as promessas. O orgulho dos santos é a paciência. Sê paciente para sejas contado nas filas dos santos, confiando que receberás uma coroa incorruptível.

Um mau pensamento? Suporta-o com paciência, até que Deus te dê a calma. O jejum? Persevera com firmeza. A oração? Sem descanso, na tua habitação entre tu e eu. Um só coração com teu irmão; a virgindade em todos os membros, virgindade em teus pensamentos, pureza de corpo e pureza de coração; a cabeça inclinada e o coração humilde, bondade no momento da cólera.

Se um pensamento te oprime, não te desalentes; suporta-o com valor dizendo: “Todos me rodearam, porém eu, em nome do Senhor, os rechacei” (Sal 117,11).

(São Pacômio)

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: